quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Quem ouve canções de amor

Canções de amor são tolice
que se cantam por aí;
foi alguém que ouviu e disse
que eu ainda as não ouvi.

Nunca ouvi sonhos cantados
em fados p'la noite fora;
meus sonhos estão acordados
e o sono não vai embora.

Vai-te embora, meu vadio
fadista, deixa o teu fado,
eu prezo muito o meu brio
e não te tenho escutado.

Quem ouve canções de amor
e acredita que são veras
não sabe em seu peito a dor
que o meu conhece deveras...

(Felipa Monteverde)

2 comentários:

Varanda Azuis disse...

Felipa...Bom dia!

Seus poemas tocam fundo...emocionam muito...parabéns por seu talento!
Adorei seu blog...muito mesmo!

Obrigada por me seguir...fiquei feliz!

bjos...um ótimo inicio de semana prá vc...cheinho de alegrias!

Nilson Barcelli disse...

Se eu soubesse, fazia uma canção para este teu belo poema.
Beijos.